“O Dia em que o Medo Virou Música”

é uma adaptação inovadora do clássico “João e Maria”.

Através da inclusão de dois novos personagens,

o Pássaro Branco e o Narrador, a peça cria ambiente

propício para se tratar conflitos como medo,

rejeição e a luta entre o bem e o mal, que são bem

caracterizados no espetáculo, porém longe de uma

visão estereotipada.

A montagem da peça em 2013, foi apresentada em

temporada no Auditório da OAB-Bauru e fez parte

integrante das ações do Projeto Gente Legal, que no

mesmo ano, trabalhaou a temática do medo, da angústia

e das incertezas da escolha. Oito instituições sociais

e educacionais participantes, receberam, no primeiro

semestre, capacitação artística em oficinas com

a atriz Cibele Troyano e tomaram contato com o universo

dos contos de fadas através de um curso de extensão

universitária, ministrado pela professora

dra. Maria do Carmo Kobayshi, da Unesp - Bauru.

A partir daí, desenvolveram seu próprio trabalho artístico,

que resultou na Mostra de Trabalhos Gente Legal,

entre os dias 7 e 10 de outubro, no Teatro Municipal de

Bauru, em comemoração à Semana da Criança.

AUTORES Carlos Batista,

Francelino de Oliveira e Marcos Arthur

ELENCO Elisabete Benetti, Victor Maia, Duda Custódio, Estevan Costa, Natalia Benetti e Renato Venâncio

FIGURINOS Carlos Alberto Gardin

CANÇÕES - LETRA E MÚSICA Marcos Arthur
CENOGRAFIA, ILUMINAÇÃO E DIREÇÃO Carlos Batista

Nós apoiamos este site